Nesta quarta quinta-feira, dia 16, a Polícia Civil de Pato Branco, através da Delegacia da Mulher, efetuou a prisão preventiva de dois indivíduos (24 e 26 anos), suspeitos de praticarem crime de estupro coletivo ocorrido no último dia 12, nesta Cidade, do qual foi vítima uma adolescente de 17 anos.

Segundo apurado, os dois suspeitos teriam parado em frente à casa da vítima, onde ela brincava com uma prima de 11 anos, e, mediante grave ameaça, colocaram-na no veículo e a levaram até um matagal, onde, também mediante grave ameaça e, ainda, com emprego de violência física, praticaram com ela conjunção carnal.

A vítima conta que foi espancada e ameaçada durante todo o ato, que foi revezado entre os dois autores, os quais fugiram posteriormente, deixando-a no local.

Coletados elementos de informação para comprovar materialidade e autoria, a Polícia Civil imediatamente representou pela decretação da prisão preventiva dos suspeitos, que foi deferida nesta data, sendo imediatamente cumprida pela equipe da DM.

Ouvidos, os investigados negam a ação criminosa, alegando que o ato foi consentido pela menor.

Ao crime investigado, é prevista pena de reclusão, de 8 (oito) a 12 (doze) anos, por se tratar de vítima menor de 18 anos, majorada de 1/3 (um terço) a 2/3 (dois terços), por ter sido praticado mediante concurso de 2 (dois) ou mais agentes.

(Fonte Polícia Civil do Paraná)